Trompa francesa – Pulando no pescoço da guitarra (Músicos) (Psicologia) (Dor) (Esforço) (Lesões) (Postura) (Técnica de Alexander)

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Este e-book, An Alexander Technique Approach to French Horn Technique, é publicado em formato PDF. É muito detalhado e prático, e lhe dará as ferramentas físicas de que você precisa para tirar os limites de sua habilidade de criar a técnica de chifre precisa que você deseja sem sacrificar seu corpo.
Este e-book também está à venda em todos os sites da AMAZON em formato KINDLE.
Localizado em Albuquerque, Novo México, EUA (MOVEMENT THERAPY)

QUANDO EU DESCOBREI EM UMA EXPERIÊNCIA REVELATÓRIA, PODERIA PULAR ATRAVÉS DO PESCOÇO DA GUITARRA COM HESITAÇÃO ZERO E NÃO PERDER A NOTA QUE QUERIA JOGAR, TEM SIDO UMA EXPECTATIVA CONTÍNUA SEM ESFORÇO DE PRECISÃO SEM ESFORÇO SEMPRE QUE PEGUEI A GUITARRA.

O que acabei de escrever está em um capítulo em cada um dos meus e-books sobre como tocar um instrumento musical ou cantar.

O que é uma experiência reveladora? Significa que você experimenta uma verdade universal tão profundamente, que nunca corre o risco de perder ou minimizar a revelação.

Quero me concentrar na segunda parte dessa realização, que é:

QUANDO PERDI UMA NOTA, ENTÃO FIZ MENOS ESFORÇO PARA TOCAR A NOTA CERTA NA PRÓXIMA VEZ, CONFIEI MAIS AINDA EM MINHAS MÃOS PARA ACESSAR A MARCA, TENTEI ACERTAR A NOTA CERTA MENOS, E NÃO PERDI.

Essas duas revelações, e quero dizer revelações, juntas transformaram a forma como eu tocava violão, e NUNCA TOQUEI O INSTRUMENTO COM MEDO DE NOVO.

Tenho pensado muito ultimamente sobre como nunca apliquei isso em toda a minha vida (de uma forma reveladora). Por quê?

Não o fiz porque, inconscientemente, minimizei a segunda parte da equação. Deixe-me dizer de novo.

QUANDO PERDI UMA NOTA, ENTÃO FIZ MENOS ESFORÇO PARA TOCAR A NOTA CERTA NA PRÓXIMA VEZ, CONFIEI MAIS AINDA EM MINHAS MÃOS PARA ACESSAR A MARCA, TENTEI ACERTAR A NOTA CERTA MENOS, E NÃO PERDI.

Sempre achei que a primeira revelação era muito mais importante do que a primeira. Aqui está de novo.

QUANDO EU DESCOBREI EM UMA EXPERIÊNCIA REVELATÓRIA, PODERIA PULAR ATRAVÉS DO PESCOÇO DA GUITARRA COM HESITAÇÃO ZERO E NÃO PERDER A NOTA QUE QUERIA JOGAR, TEM SIDO UMA EXPECTATIVA CONTÍNUA CONTÍNUA PARA MIM SOBRE PRECISÃO TODAS AS VEZES QUE EU PEGO A GUITARRA E NUNCA VOLTEI PARA A MINHA MANEIRA ANTIGA DE TOCAR GUITARRA, SEM MEDOS, SEMPRE!

O que há na segunda revelação que a torna pelo menos tão importante quanto a primeira, se não mais importante?

DEU-ME A LIBERDADE DE PERDER UMA NOTA SEM PROCURAR RETRIBUIÇÃO DE MIM MESMO!

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

O que eu quero dizer?

Quando percebi que minha expectativa de tocar a nota certa, depois de errar, ficou ainda mais forte na segunda vez do que na primeira vez, fiquei livre para errar sem me atacar!

E se eu errasse na segunda vez, simplesmente repetia o processo até não poder mais.

ISTO SIGNIFICA QUE EU PODERIA FALTAR ATÉ NÃO FALAR, PORTANTO, FALTAR PAROU DE SER TRAUMÁTICO.

Deixe-me dizer de uma maneira diferente. Quando você perde uma nota em um instrumento com fé reveladora, você não sente que cometeu um erro moral, o que significa que você não fica bravo consigo mesmo. Você apenas relaxa ainda mais, tenta ainda menos e toca ou canta com mais fé de que atingirá o alvo.

Então, imagine passar a vida sabendo, depois de bagunçar sua miríade de atividades e interações, que você simplesmente não fará isso indefinidamente, e isso é experimentado de uma forma reveladora.

ISSO DÁ A VOCÊ A LIBERDADE DE ERRAR E NÃO ATACAR A SI MESMO, PORQUE VOCÊ NÃO EXPERIMENTA ESSE ERRO, QUE PODE TER SIDO FAZENDO MAIS E MAIS, FORA DE SUA CAPACIDADE DE PARAR DE REPETIR O ERRO MAIS.

O que torna alguém absolutamente LOUCO é quando eles se vêem fazendo a mesma coisa sem amor continuamente, e NÃO desistiram de não cometer o mesmo erro.

O “problema humano” é que o condicionamento inicial e as escolhas que fizemos sobre como somos, quem somos, são concretizadas, porque esquecemos que escolhemos acreditar em coisas depreciativas sobre nós mesmos. Portanto, continuamos a cometer o mesmo erro, perder a mesma nota ou dizer a mesma coisa cruel a alguém, indefinidamente contra nossa VERDADEIRA vontade.

QUANDO EU SALTEI ATRAVÉS DO PESCOÇO DA GUITARRA, NÃO SALTEI NA OBLIVÃO, DEIXEI O INFERNO DA GUITARRA PARA O CÉU DA GUITARRA.

Eu deixei de tocar guitarra com medo e nunca mais voltei para o inferno da guitarra. Eu tive uma revelação.

E se você fizer isso em sua vida diária, porque permite uma revelação de toda a vida?

ENTÃO VOCÊ SE LIVRA DA DOR EXTRAORDINÁRIA DE ACREDITAR QUE TEM QUE FAZER O QUE SEMPRE FEZ, E DEIXA-SE DE TEMER UM SALTO PARA OBLIVÃO, AO ESCOLHER PULAR PELO GUITARRA FIGURATIVO PESCOÇO DA VIDA.

Em conclusão, amarrar tudo isso de volta à Técnica de Alexander significa que, à medida que você muda sua postura e técnica no que está fazendo, se você tiver a crença reveladora de que não cometerá o mesmo erro da próxima vez, então você escolha e faça mudanças transformacionais em sua técnica e postura em seu instrumento, ou em seu esporte, ou em sua vida diária, e não se sinta mais preso.

Leia Também  Doença de Parkinson e esclerose múltipla - O fim do equilíbrio (técnica de Alexander, postura, dor, tensão e lesões) (Albuquerque)
cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *