Conflito na Líbia: Turquia envia tropas para apoiar governo apoiado pela ONU

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br


Os líbios agitam uma bandeira turca e uma nacional durante uma manifestação em apoio ao governo de Trípoli (GNA), reconhecido pela ONU, na capital Trípoli em 3 de janeiro de 2020

Direitos autorais da imagem
AFP

Legenda da imagem

Esses moradores de Trípoli receberam as boas-vindas do apoio militar turco ao GNA

O presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que as tropas começaram a se mudar para a Líbia depois que o parlamento aprovou a medida na semana passada.

Ele disse que sua missão era garantir a estabilidade do Governo do Acordo Nacional da ONU (GNA) em Trípoli.

O governo da Líbia está combatendo uma insurgência das forças rebeldes sob o comando do general Khalifa Haftar, com base no leste da Líbia.

O general Haftar é apoiado pelo Egito e pelos Emirados Árabes Unidos, enquanto o governo da ONU é apoiado pela Turquia e seu aliado Qatar.

As forças rebeldes tentam capturar Trípoli e foram responsabilizadas por um ataque aéreo a uma academia militar no sábado que matou pelo menos 30 pessoas. Eles negaram qualquer envolvimento.

  • Turquia corre o risco de cair mais profundamente no conflito na Líbia
  • Senhor da guerra líbio Haftar libera cidadãos turcos

“O dever de nossos soldados é a coordenação. Eles desenvolverão o centro de operações lá. Nossos soldados estão indo gradualmente agora”, disse o presidente Erdogan ao canal de TV CNN Turk.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br

Ele disse que o objetivo da Turquia é “não lutar”, mas “apoiar o governo legítimo e evitar uma tragédia humanitária”.

Conflito na Líbia: Turquia envia tropas para apoiar governo apoiado pela ONU 1

A reprodução de mídia não é suportada no seu dispositivo

Legenda da mídiaA BBC Arabic encontrou vídeos de corpos profanados por combatentes leais ao homem forte Khalifa Haftar.

Israel, Grécia e Chipre haviam alertado contra qualquer mobilização turca. Eles chamaram de perigosa ameaça à estabilidade regional e alertaram que ele violou o embargo de armas da ONU.

O Conselho de Segurança da ONU deve se reunir a portas fechadas na segunda-feira para discutir a situação na Líbia, informou a agência de notícias AFP, citando diplomatas.

MPs na Turquia aprovaram o projeto de lei que permite o envio de tropas na última quinta-feira, com 325 a favor e 184 contra.

  • Quem é o militar Khalifa Haftar?
  • Por que a Líbia é tão sem lei?

Erdogan disse que Trípoli havia solicitado assistência militar.

O governo turco não deu detalhes sobre a escala do destacamento militar.

A Líbia está devastada pela violência desde que o governante de longa data Muammar Gaddafi foi deposto e morto em 2011 pelas forças apoiadas pela Otan.

O país tem duas administrações rivais, uma com sede em Trípoli e outra na cidade oriental de Tobruk.

cupom com desconto - o melhor site de cupom de desconto cupomcomdesconto.com.br
Leia Também  Caso Meng Wanzhou: audiências de extradição de executivos da Huawei começam

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *